fbpx
Rua Alfredo Cunha, nº 225, Piso 1 Sala 5, 4450-023 Matosinhos
223163348
geral@ipafasia.pt

Doações IPA: Amigo

Doações IPA - Amigo

SEJA AMIGO das pessoas com afasia. SEJA AMIGO IPA.

Torne-se um amigo IPA  e Apoie as pessoas com afasia.

Porque amanhã pode ser você e porque, se for, o IPA quer estar lá para ajudar!

SER AMIGO DO IPA!

Obrigado! 🖤

Testemunhos das Nossas Pessoas

Manuela Monteiro

Pessoa com Afasia

Eu sou Manuela Monteiro tenho 63 anos, quero dar um pequeno/grande testemunho.
Sinto-me na obrigação, de coração, de dar minha opinião sobre a grande e fundamental importância para mim, desde que o IPA entrou na minha vida.

“Passados 2 anos do meu AVC, falaram-me do IPA, fui lá, sem conhecer ninguém. Tinha medo. Não sabia o que ia encontrar. Será que eles me poderiam ajudar?

Eu pouco falava, minha comunicação era quase nula. Eu tentava falar, mas só conseguia balbuciar sons que as pessoas não entendiam, fazia gestos, tentava e eu ficava nervosa, me repetindo e deixando a pessoa com quem eu estava tentando falar também sem ação e sem compreensão. Desesperador!

Além disso, eu também não tinha boas possibilidades econômicas e eu precisava me reabilitar. Não podia viver sem falar , sem me fazer entender, sem me comunicar com ninguém.

Ao chegar lá, os minutos que esperei para ser atendida me pareceram uma eternidade. Eu estava muito ansiosa, inquieta, sozinha…, mas o sorriso e a atenção com que fui recebida me acalmou de uma forma inigualável. Consegui me explicar, e parece que a atendente, Maria era o nome dela, ia adivinhando o que eu queria dizer. Nessa altura, quando fiz referência que não tinha grandes possibilidades económicas, isso não foi objeção, pois tentamos ajustar essa situação e no entanto a minha vida alterou completamente desde que comecei a frequentar o IPA.

O IPA DEU-ME A VOZ.

Deixei de ter vergonha de falar, voltei a cantar, frequentei as sessões de pintura, sessões de conversação que ainda hoje continuo a frequentar; a minha VIDA transformou-se completamente e devo tudo ao IPA.
Foi lá, depois de muitas sessões, que descobri que a minha parte cognitiva estava a despertar e foi nessa altura que resolvi tirar o curso de informática e assistente administrativa para poder voltar ao mercado de trabalho e retomar minha vida completamente.
Neste momento estou a estagiar no IPA. Eles são para mim a minha família IPA! Sem ajuda deste instituto fantástico isto não seria possível. Por mim e todos os meus colegas, presentes e futuros que venham a precisar dos serviços do IPA e que talvez não possam pagar por eles…

Pela a expansão da família IPA, ajudem-nos, dando um donativo, seu apoio financeiro é extremamente importante para todos nós.”

Helena e Manuel

Helena, esposa do Manuel que tem afasia

“A pessoa que partilha connosco uma história de vida, de repente, está perdida, presa em si mesma, incapaz de comunicar e de se fazer entender…

A frustração cresce em nós, família, ao tentarmos desesperadamente entender, ajudar e procurar ultrapassar a angústia e a incapacidade. (…) os resultados estão à vista! A autonomia foi reposta, já é possível um convívio real e ativo! A comunicação flui!!! Ficaram umas palavras trocadas pelo meio, mas que já nos sabemos rir delas, o que também é muito importante! Estou feliz pelas conquistas conseguidas em família, mas também com a preciosa ajuda de toda a comunidade do IPA, a quem agradeço do fundo do coração.”